Qual a Diferença Entre Títulos, Convênios e Boletos? Qual Escolher no Pagamento?

Qual a Diferença Entre Títulos, Convênios e Boletos? Qual Escolher no Pagamento?

Nos dias de hoje, os consumidores contam com uma enorme facilidade para pagar as contas. Com o uso da internet, ficou ainda mais fácil. É possível pagar as contas de casa, sem precisar ficar enfrentando filas e nem precisar levar dinheiro em espécie pelas ruas. 

Porém, no momento de escolher o que pagar, surge a dúvida. É o que acontece quando temos as opções de “Boletos” e “Títulos e Convênios”. É muito importante selecionar a opção correta para que o pagamento possa ser feito.  

Vejamos abaixo o que diferencia cada uma dessas modalidades: 

Boletos 

É comum a gente pensar que todas as contas que recebemos para pagar são boletos. Mas não é bem assim. 

Podemos definir o boleto como sendo as contas emitidas por um banco, que se referem à cobrança de serviços contratados e que uma instituição bancária faz a intermediação. Geralmente, refere-se a pagamento de mensalidades escolares, cartão de crédito, algum tipo de financiamento, e muitos outros. 

O boleto contém uma sequência de cinco campos, onde o código de barras é inserido. No penúltimo campo, é onde está um algarismo isolado. O código do boleto é composto de 47 caracteres. 

É comum que o pagamento desses boletos possa ser feito em qualquer banco. A data de vencimento já é pré-estabelecida e, caso o pagamento atrase, são cobrados juros e multa. 

Títulos e Convênios 

O pagamento de títulos e convênios também é feito por meio de um código de barras. Porém, o que diferencia um boleto dos títulos e convênios é que o primeiro é emitido por uma instituição financeira.  

Já os títulos e convênios pela própria concessionária do serviço, normalmente. Para quem não sabe, eles se referem às contas do mês que pagamos, como luz, água, gás, telefone e TV  a cabo. Ao contrário do que acontece com os boletos, se o pagamento dessas contas atrasar, os juros não serão cobrados imediatamente. Eles virão no próximo mês. 

Eles possuem quatro sequências de algarismos, sendo que o último é um dígito isolado, somando 48 caracteres ao todo. 

Para pagar, o consumidor também pode se dirigir a um banco conveniado ou a uma casa lotérica. Se desejar, também é possível pagar pelo internet banking, caixas eletrônicos ou aplicativos. 

Como vimos, embora sejam poucas, existem algumas diferenças entre boletos e títulos e convênios. Basta ficar atendo para saber diferenciar ambos. Se, no momento de realizar o pagamento, a pessoa selecionar a opção errada, não será possível quitar. 

Aproveite as facilidades que o internet banking oferece, e pague as suas contas sem sair de casa. Hoje em dia, essa opção tem crescido muito, pois as pessoas estão pensando cada vez mais na segurança. 

Cada banco possui um certo procedimento para que o cliente pague as suas contas. 

Para pagar as contas usando o código de barras, geralmente as pessoas se dirigem a um caixa eletrônico que tenha leitor infravermelho, ou podem abrir o aplicativo do celular ou ainda usarem o internet banking, como já dissemos. 

No menu inicial, aparecerão as opções e então deve-se escolher a “pagamentos”, para que a pessoa escolha a que deseja fazer. Nessa hora, ela seleciona “Boletos” ou “Títulos e Convênios”. 

Logo depois, deve-se aproximar o código de barras ao leitor ou na câmera do aparelho celular. Caso o código não seja lido, será preciso digitá-lo. Os dados relativos à cobrança aparecerão. Se estiverem corretos, é hora de confirmar e finalizar o pagamento. 

Seja no caixa eletrônico, no celular ou pela internet, o procedimento é basicamente o mesmo. Não existem muitas diferenças.  

Antes de finalizar, confira atentamente se todas as informações estão corretas.

Deixe um comentário