Poupança Dá Direito a Cartão de Crédito? Como Fazer?

Poupança Dá Direito a Cartão de Crédito? Como Fazer? 

Quando comparamos uma conta poupança com uma conta corrente, percebemos que a grande maioria das pessoas prefere a primeira opção. Além de ser isenta da cobrança de taxas de manutenção, a conta poupança ainda rende juros mensais. Dessa forma, o usuário tem a sua quantia aumentada. 

Enquanto que na conta corrente, além de ter de pagar a taxa d manutenção da conta e algumas outras tarifas, o dinheiro depositado não rende nenhum valor. 

No entanto, quando comparamos os serviços oferecidos por ambos os tipos de contas, percebemos que existem muitas diferenças entre elas. E uma dela é o fato de a conta corrente disponibilizar um cartão de crédito para o titular, enquanto a conta corrente oferece um cartão de débito. Inclusive, essa é uma dúvida bem comum entre as pessoas, se uma conta poupança oferece cartão de crédito. 

Na verdade, é possível sim ter um cartão de crédito tendo apenas uma conta poupança, se o seu banco oferecer essa opção. 

Como os cartões de crédito, geralmente, possuem um limite, o saldo da conta poupança pode ser usado para calcular esse limite. Além do mais, se o banco quiser, pode também solicitar um comprovante de renda que poder liberar o cartão. 

Quando abrimos uma conta poupança, a grande parte dos bancos oferece um cartão múltiplo para que o cliente possa movimentar a sua conta e também realizar pagamentos na modalidade de débito, onde o valor é descontado diretamente no saldo da conta. Se desejar, o cliente tem a possibilidade de habilitar a modalidade de crédito também, conforme a bandeira do seu cartão e também das normas que o seu banco segue. 

Não são todas as contas poupanças que disponibilizam cartão de crédito. Se realmente desejar ter um, o cliente pode verificar a possibilidade de o banco liberar sem que tenha vínculo com a conta poupança. 

Alguns bancos oferecem cartões de crédito, ainda que a pessoa não seja um correntista. 

Se, ainda assim, não conseguir, existem várias lojas que também disponibilizam cartões de crédito de várias bandeiras, sem que a necessidade de a pessoa ter uma conta corrente.  

Uma das vantagens dos cartões oferecidos pelas lojas é que a aprovação, geralmente, é bem mais rápida do que os cartões de bancos. Além de outras vantagens, como: 

• Ausência de anuidade: geralmente, os cartões de lojas não cobram anuidade. Ou cobram de uma de forma mais disfarçada, que é um valor a cada boleto emitido. É preciso ficar atento a isso. 

• Limite do cartão: em geral, o limite é definido de acordo com as mesmas regras usadas para os demais cartões. Porém, quando usamos o cartão para comprar na sua própria loja, é comum ganharmos descontos bem atrativos. 

• Planos: algumas lojas costumam firmar convênios com empresas de financiamentos. Nesse caso, o consumidor que possui o cartão desse tipo de loja costuma ter a sua disposição planos bem vantajosos ao realizar compras maiores, ao renegociar uma dívida do cartão, ao solicitar um empréstimo, ao parcelar a fatura, e muito mais. 

Algumas das principais lojas e empresas que oferecem o cartão próprio são: Carrefour, Prezunic,Walmart, Riachuelo, Renner, Leader Magazine, C&A, Petrobrás, Marisa, Magazine Luiza, Pernambucanas, Ipiranga, Americanas, Saraiva, e etc. 

Para as lojas, a grande vantagem em disponibilizar um cartão para o cliente é a sua fidelização. Ainda mais quando oferecem descontos para quem tiver o cartão da loja. A outra vantagem é que as lojas precisam pagar por transações feitas pelos cartões de crédito e débito. Porém, quando elas oferecem o cartão da instituição, elas acabam ganhando vantagens no momento de negociar os seus custos. 

Para adquirir um cartão de uma loja, é bem simples, basta acessar o site da mesma ou se dirigir pessoalmente a uma loja física.

Deixe um comentário