É Preciso Assinar Atrás do Cheque? E Colocar Dados Pessoais?

É Preciso Assinar Atrás do Cheque? E Colocar Dados Pessoais?

Nos dias de hoje, nós contamos com uma enorme variedade de formas de pagamento. Podemos pagar nossas compras em dinheiro, com cartão de crédito, de débito, ou com cheque. Essa última opção, no entanto, vem sendo cada vez menos usada. Ela vem dando espaço às outras formas mais seguras e práticas, como os cartões, por exemplo. 

No entanto, embora esteja sendo pouco utilizado, algumas pessoas ainda usam os cheques. Ainda assimeles continuam causando várias dúvidas. 

Uma dessas dúvidas é sobre o endosso do cheque. É comum as pessoas se perguntarem se devem ou não assinar no verso do cheque.  

Sim. Sempre que endossamos um cheque, devemos assinar no verso. 

Mas o que significa endossar um cheque? 

Endossar é transferir o direito a um terceiro. É quando passamos para uma pessoa um cheque de terceiros. 

Principais Dúvidas Sobre Cheque 

Fizemos uma seleção com as principais dúvidas que as pessoas têm sobre cheque. Confira abaixo: 

• O que é o cheque pré-datado? 

É quando podemos escolher uma data para que o cheque seja compensado. Assim, o depósito será feito em data próxima ao dia em que o cheque será compensado. 

• Preciso assinar um cheque nominal? 

Nesse caso, informamos o nome da pessoa que recebe o cheque. Somente essa pessoa está autorizada a resgatar o valor do cheque. E não pode repassar para outra pessoa. 

• O que é cheque cruzado? 

Somente por depósito em conta é possível resgatar um cheque cruzado. Não é possível sacar o valor na boca do caixa. Para cruzar o cheque, fazemos duas linhas diagonais paralelas na frente da folha. A vantagem em cruzar um cheque é que a gente ganha tempo para sustá-lo em caso de roubo. 

• O que acontece se o valor escrito por extenso estiver diferente do valor numérico? 

Nesse caso, considera-se sempre o valor escrito por extenso.  

• O que acontece se o beneficiário do cheque o depositar antes da data combinada? 

Como o cheque é uma ordem de pagamento à vista, o beneficiário pode depositar quando quiser. Tudo vai depender da sua boa-fé. 

• Se eu receber um pagamento em cheque, que esteja preenchido corretamente, ainda corro algum risco? 

Sim. Muitas pessoas de má fé aplicam golpes com cheques, ainda que pareça tudo correto. O ideal é sempre entregar o produto / serviço depois que o cheque for compensado e o dinheiro estiver na sua conta. 

• Eu consigo consultar o histórico de pagador do emitente do cheque? 

Sim. O Banco Central criou o Cadastro de Emitentes de Cheques Sem Fundos, onde os bancos precisam informar quais os clientes que possuem cheques devolvidos por falta de fundos. 

• É seguro aceitar cheques de terceiros? 

A menos que seja uma pessoa de sua extrema confiança, como um parente, por exemplo, evite aceitar cheques de terceiros. Fica ainda mais difícil se certificar da validade do cheque.  

• Devo realizar um cadastro do cliente? 

É sempre recomendado ter um cadastro dos seus clientes. As informações como nome completo, endereço e telefone ajudam a localizar a pessoa, em caso de algum problema com o cheque. Além de todos os dados pessoais do cliente, cadastre também os dados do seu cônjuge. Colha o máximo de informações possível. 

• O aspecto físico do cheque é importante? 

Sim. Não aceite cheques amassados, com a cor amarelada. Eles podem ser de contas que não existem mais, contas inativas. 

• Um cliente me ofereceu um cheque em valor maior do que a compra que ele fez. Devo aceitar? 

Não. Isso pode ser um indício de fraude. Aceite cheques somente se for preenchido na sua frente. Verifique também se o cliente anota as informações do cheque no canhoto. Isso indica que ele tem o mínimo possível de controle dos cheques.

Deixe um comentário