Cartão Não Autorizado: Erro 05 – O Que Fazer?

Cartão Não Autorizado: Erro 05 – O Que Fazer?

Quando vamos pagar uma compra com o cartão de crédito, estamos sujeitos a várias situações, e que podem nos levar a alguns constrangimentos.  

Por isso, é sempre bom ter outra forma de pagamento naquele momento. Na grande maioria das vezes, o problema não é culpa do lojista. Por isso, não adianta ficar nervoso e brigar com a pessoa, pois isso não irá resolver a situação. Em muitos casos, basta ligar na Central de Atendimento ao Cliente que o problema será resolvido.  

Existem várias situações que podem levar a algum tipo de erro no momento da compra, como é o caso do Erro 05 (Cartão Não Autorizado), por exemplo. Esse, inclusive, é um dos mais comuns de acontecer. 

Para facilitar a vida de comerciantes e dos consumidores, as operadoras de cartão de crédito criaram vários códigos para ajudar a identificar qual é o problema que está acontecendo naquele momento. Esses códigos apresentam, de forma resumida, o erro que pode haver no sistema ou mesmo na conexão com a rede. São vários números, e cada um com o resume um tipo de erro. Dessa forma, fica mais fácil para o cliente na hora de solucionar o problema. Ao saber o que cada código significa, o consumidor pode ir diretamente onde poderão resolver. 

Erro 05 – Venda Não Autorizada 

Como dissemos, esse é um dos erros mais comuns de acontecer. E suas causas podem ser duas: quando a compra realizada excede o limite de crédito disponível do cartão. Ou ainda quando a compra está sob alguma suspeita de fraude. Vejamos abaixo, de forma detalhada, cada uma delas. 

Bloqueio do cartão por falta de limite disponível: quando isso acontece, significa que o consumidor já usou todo o crédito que tinha disponível no seu cartão. Com isso, o pagamento não é autorizado pela administradora do cartão.  

Nesse caso, o que o consumidor precisa fazer é ligar na Central de Atendimento do cartão e solicitar o aumento do seu limite. A solicitação passará por uma avaliação e só então o cliente terá o retorno. Nem sempre a operadora disponibiliza mais crédito. Pois isso depende de algumas variáveis, como o histórico de pagamento das faturas, se o cliente paga em dia, se não costuma pagar o mínimo do cartão, e etc. 

Bloqueio do cartão por suspeite de fraude: outra situação que causa o bloqueio do cartão é a suspeita de fraude. Nesse caso, a administradora do cartão procede com o bloqueio como uma medida de segurança. E o desbloqueio só acontece após o titular entrar em contato e solicitar o desbloqueio.  

As situações mais comuns, que causam esse tipo de bloqueio, são: 

• Compras feitas em locais bem distantes, como de um estado para outro, por exemplo, em um espaço curto de tempo. 

 Compra feita em um horário diferente do que o cliente costuma comprar, como de madrugada, por exemplo. 

 Compra com valor bem mais alto do que o cliente costuma efetuar. 

 Compras feitas em estabelecimentos onde o índice de fraudes é bem alto. Em alguns locais, as fraudes são tão comuns, que a administradora do cartão costuma bloqueá-lo até conseguir falar com o cliente, para confirmar a operação. 

 Várias compras de pequeno valor feitas em pouco espaço de tempo. 

 Quando o titular do cartão tem um alto poder aquisitivo e só compra à vista. De repente, aparece uma parcelando todas as compras. 

 Compras que excedam o limite do cartão. 

 Compras feitas no exterior, sendo que o cliente não informou à administradora do cartão que iria viajar para fora do país. 

Todas essas situações são muito suspeitas e podem ser um indício de fraude. 

Deixe um comentário